pt
enptes
pt
enptes
  • Home
  • News
  • Tags de localização: Como funcionam e como usá-las

Tags de localização: Como funcionam e como usá-las

Tags de localização: Como funcionam e como usá-las

Todas as pessoas do mundo estão sujeitas a perder ou esquecer objetos pessoais, como chaves ou carteiras – e isso pode dar uma tremenda dor de cabeça. Por isso, de olho nessa agonia compartilhada, o mercado tecnológico encontrou uma interessante forma de preveni-la com as tags de localização.

Esses localizadores inteligentes são uma espécie de rastreador que o usuário deixa preso aos seus objetos para saber onde estão localizados em caso de perda. Assim, a recuperação do item é facilitada.

Grandes empresas já lançaram suas versões das tags de localização, como a Apple AirTag e a Samsung Smart Tag, mas a concorrência não pretende deixar a tendência passar batida. Sendo assim, as tags ganham cada vez mais espaço no mercado e diversas opções de modelos já estão disponíveis.

Continue a leitura deste artigo para saber mais sobre essa tecnologia!

Como as tags de localização funcionam?

Os localizadores inteligentes contam com bluetooth, NFC e Chip UWB, ou seja, componentes voltados ao monitoramento de aparelhos.

O desempenho da tag de localização depende da marca, do modelo e de seus elementos composicionais. No Apple AirTag, por exemplo, é usado o sistema de localização dos iPhones, que rastreia as tags próximas para identificar e localizar o objeto buscado.

Existem rastreadores que se conectam através do bluetooth, mas estes precisam estar dentro do limite de alcance para compartilhar a localização. Portanto, é indispensável consultar as especificações de cada modelo antes de adquirir um.

Outro detalhe importante é que as tags de localização são acessadas via app de celular. Você pode colocar os sensores no molho de chaves, dentro da carteira ou da mochila, ou em qualquer outro tipo de objeto que você leve para todos os lados, mas deve ter os apps em mãos na hora de rastreá-los.

Quando usar uma tag de localização?

Sempre que achar necessário, o que é bom. Ela vai ajudar você em caso de perda ou esquecimento. Não há nada pior que perder tempo procurando um objeto sem saber se está ou não em sua posse. Nesses casos, as tags de localização já dão a resposta de imediato, ganhando tempo para que o usuário possa agir para encontrar seus pertences.

É claro que a dependência total e exclusiva desses localizadores é algo contraindicado, mas eles servem como uma forma de resguardar determinados objetos e oferecem uma maior segurança no dia a dia, principalmente para quem se desloca bastante.

Quanto ao uso dos dados transmitidos pelos aparelhos, as empresas afirmam que eles são criptografados e os usuários não podem ser reconhecidos durante a movimentação das informações entre o dispositivo e a central.


Para você ser o primeiro a ficar por dentro das novidades, com informações inéditas e curiosidades sobre o mundo da tecnologia, continue acompanhando o nosso blog e as nossas redes sociais!

Leitura Recomendada

Embora as mudanças trazidas pelo Wi-Fi 6 tenham sido mais sobre questões de segurança, a chegada do Wi-Fi 7 promete[...]
De olho no mercado, a L8 Group, empresa especializada em tecnologia para cibersegurança e segurança pública, investiu na produção de[...]
A energia solar fotovoltaica é uma das tecnologias que mais crescem no Brasil e no mundo. De acordo com a[...]
Carregar mais
Embora as mudanças trazidas pelo Wi-Fi 6 tenham sido mais sobre questões de segurança, a chegada do Wi-Fi 7 promete[...]
De olho no mercado, a L8 Group, empresa especializada em tecnologia para cibersegurança e segurança pública, investiu na produção de[...]
A energia solar fotovoltaica é uma das tecnologias que mais crescem no Brasil e no mundo. De acordo com a[...]
Carregar mais
plugins premium WordPress